Combinação – Marina e Azul Cobalto

29 de January, 2010 em Impala by Nanda

Hello, dears!

Dando continuação à minha saga dos pés, decidi que precisava usar um esmalte neles que combinasse com o Marina das mãos. Como estava em uma vibe azul e com invejinha da Bianca, ignorei todos os avisos e escolhi o temido Azul Cobalto da Impala.

Vocês devem conhecer a fama do coitado, se não conhecem ainda, corre neste post da Bianca que ela conta tudo. Mas ele é tão lindo, tão tinta de caneta Bic que eu tinha que usar. E ficou tão fofo.

A cobertura do esmalte é ótima, com uma camada apenas consegui cobrir tudo e não manchou. Achei o resultado phyno e combinou direitinho com as minhas veias, ops, com o Marina.

Olha, quem reclama que o Azul Cobalto mancha até a alma é FRESCO, suas frescas, ou minha acetona é muito potente! Brincadeira, meninas, mas sério, não achei nada de trágico comparando com outros esmaltes escuros. Mas eu digo isso na hora de limpar os cantinhos e tal, na hora de tirar o esmalte todo daí eu já não sei, pois ainda estou com ele e confesso que com medo, rs.

No post da Bianca sobre o Azul Cobalto, ela ensina toda uma técnica de como não manchar a pele com o esmalte, mas como eu estava com pressa, fiz do jeito que faço sempre, seja para esmalte escuro ou claro. São coisinhas básicas, mas que fazem a diferença, vou listar pra vocês, ok?

1 – Reboque a unha e o dedo com uma base. A base facilita na hora de tirar o esmalte e impede que sua unha fique amarelada;

2 – Tente tirar o máximo de excesso do esmalte com o palitinho na hora de contornar a unha. Deixe o palitinho mais inclinado que ele vai tirando tudo o que estiver fora da unha;

3 – Depois que terminou de pintar as unhas não use nenhum óleo secante ou top coat (que acelere o processo de secagem), primeiro você deve limpar os cantinho com acetona, só depois então aplicar o secante;

4 – Limpe os cantinhos com acetona, pauzinho e algodão o mais rápido possível. O esmalte ainda “molhado” é mais fácil de tirar.

5 – Não coloque muito algodão no palitinho ou você vai borrar a unha.

6 – Agora a dica que eu acredito ser a mais importante: não ENCHARQUE o algodão de acetona, muita acetona faz uma borroqueira danada. O ideal e usar o algodão quase seco. Outro detalhe importante: limpou UMA unha? TROQUE o algodão, não reutilize.

A última dica é ótima também na hora de retirar todo o esmalte escuro. Normalmente encharcamos o algodão e é por isso que mancha. Sempre use um algodão com pouquíssima acetona e vai tirando o grosso, depois disso só vai sobrar umas manchinhas da cor do esmalte, nessa hora você pode tacar muita acetona que não vai ter problema.

É assim que eu faço e vem dando muito certo, mas tem o método mirabolante (hahaha) da Bianca, que parece ser mais gostoso, pois “descascamos” o esmalte, mas esse exige um pouco mais de tempo.

Por hoje é só meninas. Até breve.

*:

APRENDA A FAZER SUAS UNHAS EM CASA SEM USAR ALICATE!