Labaredas da BalbPharm

8 de September, 2010 em Geral by Bianca de Neve

Esses tempos a Balbpharm mandou uma caixa pesadona cheia de coisas pra testar.

Achei lindo quando o carteiro perguntou se era esmalte, na hora pensei “TÔ FAMOSA, ME RECONHECERAM”, mas né, tava escrito “Loucas por Esmalte” no destinatáro.

Além dos esmaltes, luvas e sapatilhas hidratantes, vieram camisetinhas fofas para cada uma de nós, olha só!


Eu sei que M é de magra, mas P também serve!

A Zatz já falou sobre alguns produtos da marca aqui, mas não fez swatch (incompetente), ehsauioheiousa.

Me mandaram 8 esmaltes, vamos a eles.


Espelho, espelho meu…, Rainha do Rosa, Dia de Sonho e Violine

Rosa com brilhos creuzos, rosa comum, rosinha de noiva e lilás com brilhinhos.

O Espelho, espelho meu… e o Violine são da linha creme gloss, não sei ao certo se são cremosos ou cintilantes, pois as partículas brilhosas parecem glitter, mas sem relevo.

Com exceção do lilás (Violine) que precisou de 3 camadas, todos estão com duas camadas.
Vejam mais de perto o efeito do Espelho, espelho meu… e do Violine.

Brilhinhos roxos que dão um efeito diferente ao rosão comum. No lilás não aparecem tanto, acho que é porque a cor base é clara e parecida com os brilhinhos.

Resolvi já comparar o New York (AH) com o azul metálico da Balb.


New York (AH), Ave do Paraíso, Terracota, Agora é que são elas (????)

Passei nas unhas na mesma ordem dos frasquinhos.


Duas camadas de cada

O New York é um pouquinho mais escuro que o Ave do Paraíso. Não lembro de ter algum marrom parecido com o Terracota, mas isso é porque eu desprezo esse tom, hahaah. E o laranja é um pouco fosco.

Falei em 8 cores, mas só mostrei 7, né?

Resolvi testar uma das luvas emolientes e um esmalte da marca no mesmo dia. Não sei porque acabei escolhendo o vermelho – Labaredas. Ri muito com o nome do esmalte, e achei até que combinou, é um vermelho meio peruona, brilha que é uma coisa, ainda mais no sol. Tudo isso devido ao acabamento creme gloss com suas partículas que dão um efeito de profundidade doido.


Foto do kit antes de ser assassinado.

Minhas cutículas estavam normais, sem destruição, sem ressecamento, sem essa pouca umidade que está nos sufocando atualmente. Coloquei as luvinhas e fiquei uns minutos com ela.


Foto do kit durante o ato (heuiaehsa) e o esmalte vermelho que usei depois.

Minhas mãos ficaram mais lindas do que já são e, como recomendado, passei acetona sobre as unhas para ativar o “Exclusivo Fixador de Esmaltes” e pintei as unhas com o vermelhão. No frasco os brilhos do vermelho são dourados, mas nas unhas eles não aparecem dourados, só realçam o brilho do vermelho.

Juro que odiei o esmalte na primeira pincelada. Pensei “credo, que horror”, mas me decidi e continuei esmaltando as unhas. Em algumas nem precisei da segunda camada, só uma resolveu. Fiquei detestando por algum tempinho, até sair e ver o esmalte no sol. Brilhou muito no curíntia e comecei a gostar, hahah.

Mas, como todo vermelho, enjoei rápido. A “sorte” é que descascou no segundo dia.

Quanto ao “Exclusivo Fixador de Esmalte”, ou ele não funciona, ou só funciona com base e top coat da Balb, porque com a DNA Nails, ele lascou rapidinho.

Os produtos da Balb são legais, pena que só são encontrados em alguns salões. Quem aí já ouviu falar na marca?

P.S.: esse post foi feito há bastante tempo, mas queria agradecer aos comentários do post anterior, que foram muitos! Ótimo saber que tantas pessoas gostam do blog, até me surpreendi com a repercussão. Obrigada pelo carinho, são vocês, pessoas lindas e bem amadas que nos motivam a continuar postando 🙂

APRENDA A FAZER SUAS UNHAS EM CASA SEM USAR ALICATE!