Coleção Cerrado – Blant Colors

18 de March, 2011 em Geral by Camila

A Blant Colors surgiu no mercado no segundo semestre do ano passado já lançando a Coleção Cerrado. Quando vi as primeiras fotos de release, achei linda, principalmente pela inspiração no Cerrado: inédita e cheia de cor. A marca é do Centro-Oeste do Brasil e essa primeira coleção causou uma boa impressão, pelo menos pelas fotos. A marca ainda não é encontrada no Brasil todo e fiquei feliz pela empresa ter enviado pra gente mostrar aqui :) A coleção Cerrado reúne dez cores, todas com nomes inspirados em temas da região:

Não usei top coat em nenhuma cor.

Araguaia: cinza cremoso, levemente azulado. Foi tranquilo de passar e limpar. Passei duas camadas. Gostei da cor. O nome vem do rio Araguaia, que nasce em Goiás.

Céu do cerrado: azul claro cremoso. Passei duas camadas. Também tranquilo de passar.

Coralina: cinza com brilhinhos bem chatos de limpar. Passei duas camadas. O nome é inspirado na poetisa Cora Coralina, nascida em Goiás.

Goyá: rosa alaranjado levemente perolado. Passei três camadas e manchou bastante. É gêmeo do Rosa Tropical, da Colorama. O nome é inspirado em uma tribo de índios que vivia na região central do país.

Ipê Amarelo: amarelinho pastel horrível de passar. Passei três camadas. Mancha muito e também achei que a cor não estava muito homogênea na unha, parecia que o esmalte não estava muito bem misturado, sabe? Uma parte ficou amarela clara, outra mais escura. Tem brilhinhos que não aparecem na unha. A cintilância lembra a dos esmaltes da coleção Tropical, da Big Universo.

Os outros cinco da coleção:

Ipê Lilás: uma cor fofa, liás com cintilância bem fraquinha. Passei três camadas e também foi chato de passar.


Ipê Rosa: tem cor de danoninho. Rosa com brilhinhos. Usei três camadas. Foi o pior de todos pra passar: manchou, apareceram umas coisas que pareciam sujeira, uns grãozinhos da cor do esmalte e ainda ficou grudento depois de um tempão que eu havia passado. Uma pena, porque a cor é uma graça.

Ipê Roxo: roxo cremoso cor de docinho, usei duas camadas. Adorei a cor.

Sertões: cinza médio cremoso. Passei duas camadas.

Verde cerrado: verde azulado com brilhinhos que somem nas unhas. Usei duas camadas.

Eu gostei da iniciativa da marca de já lançar uma coleção bem variada e com uma inspiração interessante. Gostei da escolha das cores, mas achei fail uma coleção com dez esmaltes ter três esmaltes cinza :/ Adoro cinza, mas né, podia ter um laranjinha claro, um verdinho gabiroba, afinal, o Cerrado não é tão cinza assim!

Acredito que temos vários esmaltes nacionais parecidos com os dessa coleção e conforme a gente for usando os esmaltes, indicamos alguma alternativa. Só indiquei o da Colorama no caso do Goyá porque eu estava com ele nas unhas pouco antes de começar os swatches ;) Algumas cores não têm um brilho muito intenso e recomendaria o uso de um top coat.

A marca já tem outras coleções novas e aos poucos a gente vai mostrando aqui no blog. Os esmaltes podem ser encontrados na região de Goiás (preço médio de R$2,15) e para quem não é de lá e quiser comprar, pode se informar sobre os pontos de vendas pelo blog da marca ou pelo perfil deles no Twitter.
Apesar de ter me decepcionado com algumas cores (por serem chatinhas de passar), aprovo a nova marca e acredito que ela tem tudo para lançar ainda mais cores legais daqui pra frente. É bacana também serem de uma região fora do eixo Rio-SP, levando novidades com mais eficiência para outras regiões do país.
E vocês aí, aprovam ou não a nova empresa?