Pés com It’s up to Blue – Orly

August 13, 2016 in Orly

Nunca gostei realmente do It’s up to Blue. Comprei, usei e não consegui achar tudo aquilo que eu esperava que fosse na época em que efetuei a compra. Ele fez algum sucesso quando postei, tanto que acabei dando quase metade do meu frasquinho pra uma amiga. Por que não dei o frasco inteiro se não gostei? Aquela era a época de acúmulo de riqueza, e como foi um dos meus primeiros Orly tinha todo um apego que não me permitia dar esmaltes, hahaha, acabei me obrigando a gostar do esmalte sem amar do fundinho do meu coração.

PE-orlyitsuptoblue

No fim das contas acho que fiz bem em não ter dado.

Clique para continuar lendo →

It’s Up To Blue – Orly

April 18, 2010 in Orly

Antes de mais nada, volto a repetir que não haverá Opinião Masculina esse domingo devido ao que citei no post anterior. Acho que a migração de host foi tranquila e não terei problemas, porém, se vocês virem qualquer coisa de anormal no blog, nos avisem. Se não conseguirem pelos comentários, avisem pelo twitter, por e-mail, formspring, sei lá! Dá um jeito aê! hahaha

Agora voltando ao esmalte… O It’s Up to Blue já apareceu de entrão por aqui, no post em que falava da Sweet Collection. Para vocês verem QUANTOS posts eu tenho pra fazer, esse esmalte tem quase um mês que usei, hahaha.

Uma pena não conseguir fotografar ele fielmente. Usei duas camadas, na primeira parece que vai ficar horrível, pois ele fica todo manchado e é bem líquido, aliado ao pincel da Orly que é fino, é meio estranho no começo, mas em seguida consegui me adaptar.

Esses frasquinhos da Orly são tão imensos… sério, eu gamei deles, são enormes, redonduxos, a tampinha é emborrachada, as cores são lindas.. mas é muito esmalte! E como eles são bem pigmentados e bem líquidos, acabei não usando muito, vai durar até minha terceira geração. De agora em diante só quero comprar versão mini, ainda mais que descobri que o mini da China Glaze tem 9ml. Isso é mais do que a maioria das marcas nacionais, HAHAHA.

Bom, o It’s tem todo esse azul, mas com um brilho esverdeado que não aparece em ângulo nenhum, configuração nenhuma e muito menos iluminação alguma. Ele é todo lindo, desse jeito, mas assim como o Marie Claire, não dá pra admirar todo o potencial dele por foto. Na verdade acho ele mais verde do que azul, mas né, se eu escrevesse que ele é um verde querendo ser azul mostrando essa foto, vocês me chamariam de daltônica, haeehaahe.

E se vocês quiserem ver a coleção nova da Impala – Muito Luxo – cobrem da Fernanda, porque já era pra ela ter feito pra ONTEM ¬¬.