Pé de Chinelo: Fast Fashion 02 Ouro Nude – Risqué

4 de August, 2011 em Geral by Camila

Tá certo que eu nem curto esmalte nude, muito menos no pé, mas esse blog é um convite à experimentação (hauha) e decidi passar uma das últimas novidades da Risqué nos pés. O Ouro Nude é o esmalte nº 2 da linha Fast Fashion e veio para manter a ideia da Risqué de lançar alguns esmaltes de repente, de preferência, relançar algo que foi tendênciam. O Fast Fashion número 1 foi o Preto Fosco, que teoricamente não é mais vendido, mas algumas pessoas ainda o encontram por aí. A Fast Fashion é uma edição limitada da Risqué.

O Ouro Nude não é completamente cremoso: tem uns brilhinhos dourados que dão um toque especial e ryco ao esmalte.

Passei duas camadas dele nos pés e não precisei de extrabrilho. O pincel também não veio lá aquela perfeição, mas não foi difícil de passar. O Ouro Nude é um bege, meio acinzentado e lembra cor de café com leite:

Se eu gostei? Claro que não hauhau Parece que estou com a unha suja. Acho que ainda prefiro usar um branquinho sem graça do que nude no pé. Mas né, se eu não passasse, não saberia como ia ficar :P

Não achei o esmalte feio, pelo contrário, vi nas mãos de algumas pessoas e achei bem bonito, mas isso também tem a ver com o tom de pele de cada um e tem que combinar com o estilo. Acho que não faço o estilo fina e discreta. Para quem gosta de cores desse tipo, vale a pena porque a pigmentação está boa para um esmalte claro e o brilho dourado realmente faz a diferença no resultado final.

Antes mesmo do esmalte começar a aparecer nas unhas da galera por aí, algumas pessoas comentaram que ele era a nova versão do Citrino Nude, da finada coleção Jóias Místicas. Fiz a comparação para vocês verem:

Indicador e anelar com Citrino Nude. Dedo médio e mindinho com Ouro Nude. Malz aê pelas cutículas secas.

O Citrino puxa mais pro marrom, tem menos brilhinhos dourados e precisa de três camadas para cobrir bem. O Ouro Nude fica praticamente cinza perto do Citrino. Engraçado que o Ouro Nude parece que ficou com acabamento “áspero” perto do Citrino, né? Acho que tem a ver com a quantidade de brilho dourado. O Citrino ficou com cara de cremosão na foto.

Em se tratando de esmalte nude, em que um tom a mais ou a menos faz toda a diferença para que o esmalte realmente fique nude em você, eles são sim, mega diferentes. Se você está em busca do nude perfeito, talvez valha a pena comprar o Ouro Nude. Não acho que nenhum dos dois ficou nude em mim, mas o Ouro Nude chega mais perto disso. Mesmo assim, simpatizo mais com o Citrino porque sou chegada em um marronzinho.

Quando é pra usar uma corzinha mais clara, vocês ainda apostam no branquinho básico ou vão de nude?

Preço sugerido: R$2,75, já à venda por todo o país.

* O esmalte desse post foi oferecido pela assessoria da marca para teste.