Tema do Mês: Francesinha

4 de April, 2014 em Nail Art, Tema do Mês by Loucas Por Esmalte

Mais uma vez esse ano o tema do mês dá trabalho, é a vez da FRANCESINHA. Calma que francesinha não é uma coisa tão chata assim!

LPE-francesinha top                                                                       Camila

Ok, é chata de fazer, mas o resultado não precisa ser sempre aquela ponta branquinha sem graça, dá pra brincar com cores e até com formatos 🙂

Abrindo o post com a francesinha clássica. Uma base ou esmalte transparente por baixo (usei o Renda) e a pontinha bem branca feita com esmalte opaco. Usei o Pétala Branca, da Colorama e finalizei com extrabrilho.

‘Ceis juram que esse tipo de esmaltação é sucesso no Brasil? Jent.

LPE-francesinha-doradato                                                                        Camila

Nessa outra eu tentei fazer a “inglesinha” que ficou famosa em um desfile, se não me engano, da YSL. Todo mundo de repente tava imitando a unha com esmalte de base escura (aqui usei o Black da Elen Gold) e a pontinha dourada (fiz com o Garota da Capa da Avon). Finalizei com um extrabrilho para nivelar as camadas. Pena que os traços ficaram meio grossos, deram a impressão de que minha unha é mais curta. Com o esmalte claro de base como na francesinha clássica, fica mais fácil de seguir o “branquinho natural da unha” e acertar a grossura da linha.

Eu adoro as francesinhas coloridas (ou inglesinhas), principalmente com cores contrastantes. Mas, para quem tem gosto mais discreto e não quiser ir de branco com branquinho, pode apostar em uma única cor, só fazendo a ponta fosca e deixando o resto da unha brilhante. Fica super lindo e chique.

Para as duas francesinhas usei aquelas fitinhas de nail art para facilitar o traço.

TEMADOMES-francesinhaBianca

Eu odeio francesinha, jurei que depois da primeira vez nunca mais na vida ia fazer. E não ia mesmo, só que daí inventei essa COISA pro tema do mês e me ferrei, ahuahua. A ideia era fazer uma francesinha que parecia simples, chamada de “grungy“, essa aqui. Mas ficou ó: uma bosta. Me falta coordenação pra fazer esses simples repuxadinhos :aff: Fiquei de cara comigo mesma e parti para a segunda tentativa.

E se aquele repuxado ficou pior que essa foto aí de cima vocês já imaginam, né? huauhahu
Comecei usando fitinhas pra demarcar, aí parti para a fita mágica e no fim das contas fiz à mão livre, por isso tá tudo torto. Precisei ajustar um pouco os contornos com um pincel (aqueles chanfrados, também usado para limpar o excesso dos cantinhos). De longe os traços tortos estão menos acusadores, mas ao vivo de pertinho dá pra ver que não rolou mesmo. Me falta paciência pra fazer essas coisas, como tem gente que gosta/consegue fazer francesinha?

TEMADOMES-francesinha2Bianca

Daí respirei fundo e fui tentar fazer outra variação de francesinha, a francesinha invertida. Ela também é chamada de Ruffian Manicure porque a técnica apareceu/popularizou em um desfile da marca Ruffian. Só conseguia pensar em combinações ~clássicas, tipo prata com preto, dourado com azul… e depois do super fail da foto anterior fui só postergando. Aí um dia usando esse azulão (Cyndi da Granado) resolvi tentar a técnica com um holográfico (Silver da Depend).

Até que deu certo, mas no indicador eu comecei usando um adesivo mais fininho e com cola fraca, isso atrapalhou muito. Acho minhas unhas curvadinhas demais nas laterais e pouco largas pra esses adesivos, então o redondinho é quase imperceptível. Não ficou ruim, mas também não ficou bom, pelo menos não ficou esquisito como algumas das combinações daqui, ahuhua.

E quem aí quiser assumir a ~caretice~ das francesinhas, tira foto e manda pra gente! Vai que sua foto aparece lá na fanpage do blog pra todo mundo curtir 🙂