Juquey – Dote

28 de May, 2012 em Geral by Nanda

O consenso geral diz que esmalte cintilante é creuzo. Quando não é creuzo, é esmalte de vó, que vai à manicure e intercala um rosinha cremoso com um cintilante.

Como o LPE é um lugar sem frescura (até nail art tá rolando por aqui), resolvi usar um esmalte cintilante e provar pra vocês e pra mim que esse tipo de acabamento pode sim ser bonito.

Ok, não fui muito justa em minha prova, primeiro porque escolhi o lindo do Juquey da Dote para o papel de cintilante, e depois porque usei sob ele um esmalte cremoso, mas o que vale é a intenção.

Foram 2 camadas do Grape da Panvel (roxo azulado cremoso) e 1 do Juquey. Adorei a combinação, ficou com cara de esmalte gringo, mas o que mais me agradou foi o fato dele não se decidir se é roxo ou azul ♥

Para as alérgicas que gostaram da combinação, eu sugiro a dupla hipoalergênica Uva da Colorama e Angelo da Argento, o resultado deve ser bem parecido.

O Juquey é um esmalte pra lá de bizarro, ele mistura em um só vidrinho as cores magenta, azul e roxo. Eu nunca o usaria sozinho, pois seu tom magenta é bem feioso, mas por cima de vários esmaltes ele fica perfeito. As combinações são quase infinitas, já vi com roxo, rosa, azul, preto e vermelho, mas a que mais me agradou foi essa aqui com o Noite Quente. E é claro que não posso deixar de falar da combinação que imita o Vendetta da Chanel, preto + Juquey, dizem que fica igualzinho.

Nem todo cintilante é creuzo ou esmalte de vó, é só disfarçar esse tipo de acabamento com um esmalte cremosinho.