Octopus – Adriane Galisteu

4 de September, 2012 em Geral by Bianca de Neve

Estava bem ansiosa para usar esse esmalte, mas quando chegou a vez dele fiquei meio decepcionada. O Octopus faz parte da linha Fashion Glam dos esmaltes da Adriane Galisteu.

O frasquinho tem um shimmer rosado que não aparece de forma tão evidente nas unhas e eu queria bem aquele brilho :(
Em ambientes claros ele fica esse azul vivo, bem cintilante, meio comum até.

Em ambientes fechados ele fica mais bonito, deixando em dúvida se o esmalte é realmente azul ou tem um toque arroxeado…

Passei duas camadas e quando fui fotografar vi que ele estava todo manchado, decidi passar a 3ª camada bem grossa e resolveu. Apesar das inúmeras camadas, o esmalte secou rápido e continuou com brilho, coisa que eu realmente não esperava. Mesmo sendo cintilante, não tem marca de cerdas, o que é ótimo.

Usei ele para um ~evento de família~ e nunca recebi tantos elogios em relação à cor, inclusive das tias mais conservadoras, hahaha. Apesar dos elogios, deve ter rolado um olho gordo intenso porque no dia seguinte ao evento me cortei com a própria unha (!!!) e quebrei a maldita. Cortei todas bem curtinhas e minhas cutículas resolveram se rebelar e as unhas não cresciam! Não tô acostumada com essa rebeldia das minhas mãos, fiquei tão #chatiada que até usei um nude, mas isso é assunto pro próximo post.

Apesar da fórmula ser mais aguadinha (característica da Top Beauty, fabricante dos esmaltes), eu gostei do Octopus. A cor era menos do que eu esperava, mas secou rápido e ficou com brilho e não achei o pincel tão ruim (ao contrário da Zatz), ele é meio achatadinho e meio fofo, mas não chega a dificultar a esmaltação.

O que me incomodou mesmo foi a tal tampa emborrachada.
A borracha parece ser de péssima qualidade, como se já estivesse velha, pois é grudenta. Lavei a tampinha dos meus esmaltes achando que resolveria, mas não adiantou. Se os esmaltes ficarem expostos, gruda poeira na tampa e é mais horrível ainda. Na primeira foto da pra ver que a minha já está rachando. Completamente desnecessário, se for pra fabricar com essa “qualidade”, melhor que seja de plástico lisinho.

* O esmalte deste post foi enviado para experimentação.