Cosmic – China Glaze

6 de November, 2012 em Geral by Bianca de Neve

Depois do Cosmic ter sido aomilhado publicamente no post sobre esmalte decantado, quis levantar a moral dele e minimizar o sentimento de rejeição. Usei o coitadinho e tentei tirar fotos bem lindas pra melhorar a auto estima dele.

O Cosmic é um glitter antiguinho da China Glaze, foi lançado em 2009 quando a marca resolveu fazer de uma vez mais de 50 glitters. É antiguinho na minha coleção também, comprei em 2010 junto com meu primeiro holográfico e um outro azul (tudo da ChG). Quando ele chegou fiquei maravilhada, afinal, quantos esmaltes com glitter holográfico existiam por aí? Em uma base preta?!

O Cosmic é lindo no frasquinho, todo o brilho dos glitters também aparece na unha, mas só depois de passar MUITO top coat. E captar esse efeito com a câmera é muito difícil, mesmo sob o sol, mesmo usando uma luminária em cima das unhas (caso da foto acima). O Cosmic tem a  base preta meio jelly e glitters holográficos em 2 tamanhos, que brilham o tempo todo. Apesar da base jelly ele é super pigmentado, usei duas camadas apenas para cobrir bem a unha, mas acredito que uma resolveria.

O único problema do Cosmic é que – pra combinar com o nome – ele é um buraco negro sugador de top coat. Já havia tentado usar esse esmalte em 2010, antes de conhecer o Seche Vite e associados e foi uma das poucas vezes que pintei as unhas e tirei logo em seguida, pois o acabamento ficou grosseiro demais. Os glitters são muito grandes para a base – que é fina – e deixam o esmalte com aspecto de textura em parede.

Não vou mentir e só encher de elogios, o Cosmic é bonito, sim, mas sem top coat ele é a coisa mais horrorosa do mundo. E não é uma camadinha fininha de nada. Eu passei duas da Cobertura Intensificadora da Cor (Colorama) e tirei algumas fotos. No dia seguinte acordei e estava feião de novo, o esmalte sugou o top coat durante a noite, hauehau. Apelei pro meu amado Seche Vite e aí sim consegui o brilho espelhado que durou até eu enjoar do esmalte. E nem adianta dizer “ah, eu não me incomodo com a textura do esmalte”, o problema é que sem top coat os glitters não ~reluzem e isso tira 98% da graça. Na verdade, acho que todos os glitters ficam mais bonitos com top coat, hoje em dia nem cogito usar sem.

Taí a prova de que ~devemos dar uma segunda chance aos esmaltes e que o Cosmic não transmite dengue.

APRENDA A FAZER SUAS UNHAS EM CASA SEM USAR ALICATE!