Caribbean – Megan Miller

12 de July, 2016 em Megan Miller by Bianca de Neve

Que tristeza pensar que essa lindeza de frasquinho não é mais comercializada :nhe:
E que alegria ao perceber que eu garanti ao menos 3 exemplares do “frasquinho de poção” com seu corpo bojudo e tampinha de cortiça.

MEGANMILLER-caribbean

Não lembro exatamente a primeira vez que ouvi falar de Megan Miller, mas lembro que já fiquei deprimida por ela ser cara e difícil de conseguir aqui do Brasil. Era o tipo de frasquinho-desejo, daqueles que pensei que ia ficar querendo pra sempre.

Posso ter milhares de desejos não atendidos, mas uma coisa que não posso reclamar é em relação a passar vontade com esmaltes, hahaha. Invariavelmente eu sempre acabo conseguindo o que quero, o que é ótimo, claro, mas também tem seu lado inexplicavelmente chato: parece que foi fácil conseguir. Não que eu não dê valor, pelo contrário, mas digamos que 80% da graça das coisas é ficar querendo elas. Sei que muita gente vai discordar, mas analisem aí e me digam se o que foi mais difícil de conseguir não deu mais prazer ao ser conquistado? Então já sabem, deuzolivre ficar bilionária e poder comprar tudo o que eu quiser, pode parecer chato ter que escolher ou fazer contas todo fim de mês, mas acho que é isso que nos faz dar valor às coisas. Sei lá, ando em meio a crises existenciais esse ano, não estranhem.

Voltando ao esmalte.

MEGANMILLER-caribbean2

Essa coisinha linda precisou de QUATRO CAMADAS.

Sei que muita gente foge de esmaltes que precisem de mais de 2 camadas, mas eu não tenho nenhuma restrição quanto a isso, porém, confesso que fiquei preocupada ao aplicar a primeira, parecia um Renda sujo de verde, hauhua.

Ao menos a secagem foi rápida, o brilho é bom e ele não escorre nem empoça, então apesar das camadas “extras”, não chega a ser um esmalte problemático.

Minhas unhas estavam longas, mas unhas mais curtas provavelmente precisariam de uma camada a menos, o que já deve diminuir o ódio das impacientes, ahuha.

Tenho mais dois exemplares da marca, mas sabe-se lá quando os usarei, esse aí eu levei 3 anos pra desenterrar, huaha.