Coleção Gelée – DNA Italy

9 de May, 2013 em Geral by Nanda

A coleção Gelée da DNA Italy foi lançada para o verão 2013, mas como o LPE é atemporal, os swacthes só ficaram prontos no outono, rs.

A coleção é composta por 7 esmaltes de efeito jelly, todos com inspiração e cheirinho de frutas.

Não gostei muito dos Gelée quando recebi a coleção, isso por achar que todos os esmaltes seriam uma espécie de “água-suja”, mas a realidade não é bem assim. Com 2 camadas os esmaltes ficam sim translúcidos, mas também ficam lindos. Com 3 camadas, como nos swatches abaixo, quase todos os esmaltes conseguem esconder o branquinho da unha.

Ananas (abacaxi) – amarelo gema de ovo, é um dos mais transparentes da coleção. Não gostei, achei exótico demais pra mim, deixou minha mão com jeito de doente.

Lampone (framboesa) – rosa avermelhado, lembra o tom da fruta que batiza o esmalte. Eu a-do-rei, mas como sempre gosto de esmalte rosa, minha opinião não vale muita coisa.

Lime (limão) – verde azulado ou azul esverdeado? Tanto faz, a definição do tom não importa, o que importa é que o Lime é um dos mais bonitos e diferentes da coleção.

Melone (melão) – coral fofo, bem laranjinha. Achei o Melone super delicado e por isso ele acabou virando meu favorito entre os Gelée.

Mirtillo (mirtilo) – azul clarinho com um leve toque de verde.  O Mirtillo é bem transparente e charmoso.

Pesca (pêssego) – rosinha claro, quase salmão. Fui com a cara dele. É o mais aguadinho e transparente entre os Gelée.

Ribes (groselha) – vermelho alaranjado, bem aberto. Lindo, perfeito, divo.

Nunca fui muito fã do acabamento jelly, até por isso demorei tanto pra testar esses esmaltes, mas fiquei encantada  pelo brilho/gloss da coleção Gelée, tanto que só jogaria fora abriria mão do Ananas.

As cores, apesar de lindas, não são o forte da coleção, o diferencial fica por conta única e exclusivamente do acabamento. O cheirinho dos esmaltes não é muito forte, eu achei até agradável, mas quem não gosta de perfume é melhor não arriscar.

Pra finalizar, preciso comentar duas coisas óbvias sobre essa coleção: não adianta comprar os esmaltes da Gelée achando que eles vão ter uma cobertura de esmalte cremoso, essa não é a proposta da coleção. Também não adianta reclamar da quantidade de camadas necessárias, já que com 2 camadas o esmalte fica como qualquer outro esmalte jelly, ou seja, levemente transparente, a decisão de usar mais ou não vai de cada um. Ame-os ou deixe-os, qual vai ser?

* Os esmaltes deste post foram enviados pela assessoria da marca.