by Nanda

Energia – Risqué

9 de Fevereiro, 2010 in Pés, Risqué by Nanda

Olha meu pé aí de novo, galera.

Ontem ele apareceu de fundo, vocês viram? Bom, depois do glamour do Azul Cobalto, decidi que precisava de uma cor mais clean, mais limpinha, por isso escolhi o Energia da Risqué.

Não me lembro quando foi a última vez que usei um esmalte da Risqué, deve ter sido antes de começar a escrever aqui. O Energia me ajudou a fazer “as pazes” com a marca, ele é lindimais! Um rosinha queimado, super phyno.

Usei 2 camadas pra cobrir bem a unha. Com 1 camada só, a cor dele é mais perfeita ainda, fica um rosinha claro, mas como não gosto de esmalte transparente, optei por 2 mesmo. Esse esmalte é bem fácil de aplicar, não mancha nada e a cobertura é ótima.

Super recomendo a cor pra quem não pode ousar muito, devido ao trabalho e tal. É uma opção menos sem graça aos branquinhos da vida e combina com tudo, até com o Club da Impala, olha:

Ficou bom, né? Risqué, voltei a te amar.

Meninas, hoje o post é rapidinho mesmo.

Beijos.

by Camila

Laranja na mão e Framboesa no pé

2 de Fevereiro, 2010 in Big Universo, Colorama, Pés by Camila

Olá gente!

Hoje é dia de estreia aqui no Big Brother Brasil Loucas! Quem já está por dentro do mundo esmaltístico pela net, talvez já me conheça. Pra quem não me conhece, prazer, eu sou a Camila e também tenho unha bonita sou louca por esmaltes! Acompanho o blog faz um tempinho e estou muito contente de poder escrever aqui a partir de agora. Beeanka, Fernanda e eu agora faremos uma dupla sertaneja! (clonando a frase de um jogador de futebol inteligentíssimo). Sou de São Paulo, capital, não sou bairrista e nem corintiana hahahhahah, mas sou legal e espero poder colaborar com notícias esmaltísticas fora do eixo Maringá-Maringá hahaha.

Seguinte, faz um tempinho que estou louca por esmaltes neon. Aqui posso encontrar os esmaltes da Big Universo, mas queria mesmo um verde fluorescente da La Pogee, igual esse da Beeanka. Enquanto a Big não lança um desse e os da Impala não chegam às lojas, vou usando outras cores. Estava com o Andrômeda há alguns dias e logo depois troquei pelo Laranja da Big. Eu, que tinha achado o rosa mega chamativo, quase fiquei cega com esse laranja.

A foto tá meio achatada porque ainda tô aprendendo a mexer nessa coisa :)

Pra não ficar com a pontinha branca aparecendo, passei uma camada de Paris, da Risqué, por baixo, e depois duas camadas do laranja. Achei uma boa e não ficou manchado. Tive que passar o roxinho da Avon porque ficou aquele fosco feio, típico de esmalte neon. Se você precisa ser discreta no seu ambiente de trabalho, NÃO use esse esmalte haha. Gostei pacas e vou usar muito ainda! Me falta um verde pra arrasar de vez, mas estou com preguiça de ir na 25 de Março comprar hahahaha. Impala, ficaremos muito felizes se vocês nos mandarem os novos mattefluors para passarmos a mão testarmos e mostrar aqui no blog!

Ainda bem que eu entrei aqui pra mostrar foto de pé também. Já que a Beeanka tem medo dos tarados vergonha, Fê e eu mostraremos tendências de pintura nos pés hahaha. Tô adorando pintar meus pés, e cada vez mais quero usar cores escuras neles também.

Dessa vez eu usei meu vermelho escuro preferido, o Framboesa, da Colorama. Fica ótimo com duas camadas e não usei roxinho (também não uso quando pinto as mãos com ele).

Olha a combinação, não ficou super nada a ver? hahaha Eu amei! Daqui a pouco pinto o pé com o Laranja e mostro aqui também.

Tomara que a onda neon continue firme e forte, desde os anos 80 ela vem fazendo a alegria dos mais breguinhas descolados por aí, e eu tô no meio hehe.

Espero que tenham gostado da nova escritora hahahaa. Aguardem, posts futuros virão, nessa mesma hora, nesse mesmo canal. Bjus

by Nanda

Holiday – Panvel

20 de Janeiro, 2010 in Panvel, Pés by Nanda

Tenho uma proposta: vamos fazer as pazes com nossos pés?

Pé não é uma coisa que nasceu pra ser bonita, o pé nasceu essencialmente e especificamente para a locomoção humana. O pobre agüenta seu peso o dia todo e ainda te leva por caminhos desconhecidos, mesmo assim você o esconde dentro de sapatos fechados, castigando-o, e o julga feio. Reservamos a eles os esmaltes clarinhos, não é? Já que chamam menos a atenção no caso de usarmos chinelos.

Bom, acho que está na hora de darmos um basta nisso, rs. Proponho que todas usem um esmalte abusado nos pés e que aproveite o verão pra desfilar os pobrezinhos em chinelos, rasteirinhas e sandálias.

Eu, Fernanda, nunca tive uma relação de ódio com meus queridos, mas também não saio fotografando o coitado do mesmo jeito que não fotografo só meu nariz. Então, o desafio maior aqui é pra mim mesma (e pra Bianca), pois além de andar por aí com eles à mostra, vou fotografá-los e mostrar o esmalte da vez dos pés. Assim, terei mais cores para mostrar aqui no blog e também, vejo se consigo arrancar de vocês, queridas leitoras, umas fotos de pés. Aliás, nem preciso de foto, só de vocês comentarem sobre alguma evolução eu já fico feliz.

E pra começar bem essa nova fase (hehe), escolhi um esmalte da Panvel para as unhas dos pés:

Holiday – Panvel

Usei duas camadas do Holiday da Panvel. A cor é perfeita, é um vermelho puxado pro rosa com uma coisa de laranja, entendeu (haha)? Resumindo, é um vermelhinho lindo.

Esse foi meu primeiro esmalte da Panvel, e estou super feliz com a qualidade do produto. As embalagens são lindas com 8ml cada, a variedade de cores é grande até, eu que não encontrei muitos, e a aplicação é super fácil, o esmalte “desliza” que é uma beleza. Pena que as Farmácias Panvel só existem em SC e RS, mas dá pra fazer compras pelo site.

Meninas, assim como vocês eu tenho interesse em outras coisas que não seja esmaltes, esmalte não é meu único vício. Outra coisa que sou apaixonada, entre várias, é literatura. Então, resolvi colocar aqui pra vocês um trecho do texto “Carta para meus pés”  da Silmara Franco, onde ela nos conta sobre a evolução de sua relação com os pezinhos.

“Hoje, metidos nas rasteirinhas abertíssimas que surpreenderiam o ex-namorado, ou mesmo nas botas de bico arredondado e quase sem salto que lhes dou de presente, vocês parecem muito mais felizes. Metade dos meus cremes são para vocês. Vocês passeiam descalços, até mais do que deveriam. Aos trinta e nove anos, pintei suas unhas de vermelho – fato inédito e histórico – e vocês vibraram.”

Pra quem quiser ler o texto todo (vale a pena), deixo o link pra vocês.

Beijinhos.