Belugaria – Essie

17 de June, 2015 em Essie by Bianca de Neve

Não sei nem por onde começar… como pode a Essie fazer na mesma coleção o esmalte mais lindo da marca (Lots of Lux) e esse Belugaria? O LoL já é bonito sozinho, não precisava fazer uma coisa grotesca pra evidenciar a beleza do azul.

ESSIE-belugaria

Antes de mais nada queria dizer que só tenho esse esmalte porque recebi de uma daquelas assinaturas mensais de esmaltes. Porém já faz muito tempo e o site nem existe mais, então nem adianta linkar pra vocês.

Logo que as primeiras fotos desse esmalte saíram eu não acreditei que a Essie tivesse feito isso propositalmente… achei ridículo de horrível. Quando nem a Eve salva um esmalte, quer dizer que a coisa é tensa mesmo.

Não sabia o que fazer com o esmalte, ele estava aqui, todo mundo que conheço achava feio… então resolvi usar, haha. Mas só porque queria um esmalte meio fácil de aplicar e não muito bonito, para não ter dó de tirar em pouco tempo, pois já estava planejando coisas melhores.

ESSIE-belugaria2

A consistência do Belugaria no frasquinho nem lembra um esmalte, parece uma massa grudada no pincel. Não é necessário nem tirar o excesso, você simplesmente puxa o pincel e passa na unha tentando cobrir todos os cantinhos. E é isso. Não sei se faltou o tal ingrediente que deixa a textura ou se colocaram em excesso, mas o resultado final não ficou dos mais agradáveis, não.

Passei apenas uma camada porque com duas ele fica MUITO grosseiro, todo disforme. A única vantagem desse aí é ser bem pigmentado, pois com uma passada cobriu toda a unha.
E quando eu digo MUITO grosseiro é porque estava áspero mesmo, se arranhasse o braço com um pouco mais de pressão ficaria marcado. Esse foi o esmalte mais áspero que já usei. Sempre brincamos que esmalte sand tem efeito de parede chapiscada, mas esse foi o primeiro esmalte que me deu uma sensação de “arranhamento” do nível dessas paredes.

Pior que não achei tão horrível assim, achei esquisito, estranhinho, mas peguei amor, hauha. O problema é que essa coisa em alto relevo dava vontade de ficar cutucando e é lógico que eu fiz isso. Tirei o esmalte depois de ter arrancado uns pedaços dele do meio das unhas, na partes mais altas, huaha.

Essie, valeu a experiência, mas por favor, não repita.

APRENDA A FAZER SUAS UNHAS EM CASA SEM USAR ALICATE!