Clássicos da Risqué: relançamentos

12 de December, 2012 em Geral by Camila

Em julho a Risqué relançou 13 esmaltes que haviam saído de linha e eram muito relembrados e pedidos pelas suas consumidoras. As cores vão fazer parte da linha regular da marca.

Clássicos Risqué Relançamento

Muitas das cores que voltaram já foram mostradas aqui no blog, então pensamos em comparar algumas das versões novas X velhas para saber se a Risqué conseguiu manter a cor original que tantas gostaram. Comparei alguns vidrinhos que eu tinha e contei com a colaboração da Bee, que tinha as outras relíquias em casa.

Fizemos as comparações seguindo a ordem: esmalte velho, novo, velho e novo.

Arábia, Cappuccino e Grão de Café faziam parte da coleção Arábica, lançada em 2009 e mostrada aqui pela Bianca. Comparamos os três esmaltes com suas versões antigas.

Arábia: o velho é mais claro (?) e tem menos cara de sujo que o novo, a diferença é sutil e a qualidade aparentemente é a mesma. Passei duas camadas de cada um e achei que meu antigo está mais bonito. Nesse caso acho que a mudança de tonalidade foi ~erro da marca. 

Clássicos Risqué Relançamento Arábia


Cappuccino
: o antigo é mais ralo, precisa de 3 camadas enquanto o novo cobre bem com duas. A fórmula nova está mais escura, a diferença é pouca, mas notável. Antes achava o Cappuccino levemente amarronzando, agora acho ele realmente marrom. Bianca

Clássicos Risqué Relançamento Cappuccino


Grão de Café: 
a diferença entre o Grão de Café velho e o novo é pouca, mas o suficiente para não ser o mesmo esmalte. Sempre achei o Grão de Café um rosa avermelhado, essa versão nova é apenas vermelha, o toque rosado se perdeu. Duas camadas para ambos e achei a fórmula antiga melhor. Bianca

Clássicos Risqué Relançamento Grão de Café

Bali fazia parte da coleção Mundo, lançada em 2008 e foi (talvez ainda seja) o nude queridinho de muitas.

Fiquei #chatiada com a mudança do Bali, porque eu gostava muito da cor, inclusive estava em busca de um dupe. Quando a Risqué ressuscitou ele fiquei feliz, mas comparando vi que a fórmula nova é mais pigmentada e também mais rosada. Três camadas do Bali velho e duas do novo. Bianca

Clássicos Risqué Relançamento Bali

O Malícia é o que podemos chamar realmente de clássico: foi lançado originalmente na coleção Luxúria, no Outono/Inverno de 2006. A coleção ainda tinha os esmaltes Volúpia, Malícia, Sex-Appeal, Fetiche, Desejo e Obsessão.

Meu Malícia velho está vencido desde sempre. Ele é mais escuro que o novo e dá até pra falar que são duas cores diferentes, o novo é mais vibrante e menos vermelho. No entanto, usei apenas uma camada de cada, uma beleza.

Clássicos Risqué Relançamento Malícia

 

O Show fazia parte da coleção New York e rapidamente conquistou várias pessoas pela cor linda e bem diferente. No vidrinho meu Show antigo está mais azulado que o novo, mas nas unhas as cores são as mesmas. Duas camadas de cada, nada mudou 😉

Clássicos Risqué Relançamento Show

 

Turmalina fazia parte da coleção Joias Místicas lançada para o Outono/Inverno de 2010. Usei duas camadas de cada um, mas aparentemente o novo está mais bem pigmentado e um tiquinho de nada mais escuro que o velho.

Clássicos Risqué Relançamento Turmalina
Vanguarda fazia parte da coleção Pop 4 You lançada em 2010. Não entendi o porquê – com uma coleção tão bonita – relançarem justo o mais vermelho ¬¬ Relançar um Twiggy que preste que é bom, nada.

Bom, as duas versões desse vermelho alaranjado continuam iguais. Passei duas camadas de cada um.

Clássicos Risqué Vanguarda

Cocker, Husky, Poodle e Shar Pei são da coleção I  :S2: Dogs, que acho relativamente recente comparada aos outros esmaltes lançados. Quem quiser rever os suatis da coleção, é só clicar.

Por fim, o Tâmara é o único relançamento que nenhuma de nós tinha para comparar e nunca tínhamos visto também. A cor é bem bonita, um vermelho tijolo cremoso e vai merecer um post só dele daqui um tempinho.

Claro que o fato de alguns dos esmaltes velhos estarem vencidos pode ter realçado a diferença de cores velhas X novas, mas isso não explica a falta de alteração de cor do Show e nem a diferença no Arábia, por exemplo. Os esmaltes não trazem mais os nomes das coleções das quais fizeram parte no rótulo #chatiada

Gostei muito da iniciativa da marca de trazer de volta alguns clássicos. Obviamente dispensaria pelo menos metade dessas cores e traria o Azulejo Português (não é possível que se esqueceram dele :chuif: ). Eu acho que os relançamentos mais bacanas foram do Bali, Show, Malícia, Turmalina e Tâmara. Tinha gostado do Arábia até ver que a cor ficou pior 🙁 O Turmalina foi uma grata surpresa, pois é uma cor bem bonita e foge dos vários vermelhos relançados. Outro detalhe importante é que os relançamentos estão sem tolueno e sem formaldeído (e até agora a Risqué não falou nada a respeito. Pra mim, não querem mesmo falar e não entendo o motivo).

Outra novidade é que a Risqué está aproveitando a onda da volta dos clássicos e está com uma ação bem legal, é o programa “Meu Risqué”, em que as melhores histórias com os Clássicos Risqué virarão uma webserie. Quem quiser saber mais e participar, é só ir na fan page da marca e enviar sua história até o dia 05 de janeiro de 2013.

* Os esmaltes relançados foram enviados pela assessoria da marca.

APRENDA A FAZER SUAS UNHAS EM CASA SEM USAR ALICATE!